16/05/2017

Conferência sobre a prevenção da diabetes tipo II - 24 de Abril


No dia 24 de Abril de 2017, realizou-se nas instalalações da AUTITV, uma conferência sobre a prevenção da diabetes tipo II, destinada aos alunos da disciplina de "Saúde", professores e restantes alunos e associados.

O evento esteve a cargo da Equipa da Consulta Externa da Diabetes (Unidade de Torres Vedras - Centro Hospitalar do Oeste), a quem agradecemos a disponibilidade.

Mais uma Menção Honrosa...


À Sócia/aluna Teresa Sarzedas foi atribuída mais uma Menção Honrosa, na sequência da sua participação no concurso da USALMA, na modalidade: Poesia:

CANÇÃO DE AMOR

Da tua janela
O mundo era diferente

Os caminhos que apontavas
E tudo que sonhavas
Me fascinou!

Mudei-me, então, para a tua janela
Para a tua casa
Para a tua vida

E continuo olhando pela nossa janela
E a gostar, cada vez mais,
Da paisagem que tu vês!

(Teresa Sarzedas)


Roteiro Fotográfico - Alcácer do Sal


No dia 12 de Maio, o Professor da disciplina "Oficina da Fotografia", Lourenço Luis, organizou o 2º Roteiro Fotográfico do ano lectivo 2016/2017 e levou os seus alunos (e outros que quiseram participar), até Alcácer do Sal.

O Roteiro teve início no Castelo, uma imponente fortificação que se ergue na colina mais alta da cidade e onde visitámos e fotografámos, a Pousada D. Afonso II e a Cripta Arqueológica.

Após um almoço tipicamente alentejano, seguiu-se um passeio pelo rio Sado a bordo do Galeão "Amendoeira", que a todos proporcionou, não só uma óptima oportunidade de fotografar bonitas paisagens, como também agradáveis momentos de convívio...

Por fim o grupo deslocou-se à aldeia da Carrasqueira para uma visita ao Cais Palafítico, uma verdadeira obra-prima da arquitectura popular, que serve de ancoradouro a inúmeros barcos de pesca usados diariamente pelos pescadores daquela zona, na sua faina. Este local admirável proporcionou mais alguns interessantes registos fotográficos, os últimos deste II Roteiro do ano lectivo 2016/2017.





Visita de Estudo - "Genealogia"

No dia 11 de Maio o Professor da disciplina de "Genealogia", Adolfo Conceição, organizou uma visita de estudo a Carnide (Lisboa), sobre a qual o sócio/aluno João Godim redigiu o seguinte artigo:

"O Município de Lisboa, fundado pelos romanos no Século XII a.C., é um caleidoscópio secular da história universal. Quanto mais se descobre e se conhece, melhor compreendemos o porquê das "coisas", do real e da lenda que envolvem a memória de Portugal.
Ir à descoberta de Lisboa é uma admirável aventura e ao mesmo tempo um desafio. Há sempre novos dados sobre um mesmo lugar, narrativas e recordações que parecem sempre inacabadas e ao mesmo tempo reveladoras. Lisboa, capital portuguesa desde 1256, terá sempre o símbolo do aquém e além-mar.
Fomos a Carnide, uma das 24 freguesias do concelho de Lisboa. Um grupo de alunos e professores da Universidade Sénior de Torres Vedras (AUTITV) foi (re)descobrir o Seminário da Luz (da Ordem Franciscana) e a Igreja de Nossa Senhora da Luz. Aula-visita de predominância religiosa-católica. O saber é avivado e valorizado.
O Professor Adolfo Conceição (da disciplina de Genealogia) foi quem tomou a iniciativa da visita a Carnide. Conhece bem a vida local, estudou no Seminário da Luz (e foi bom aluno, no dizer do Padre Professor Manuel Pereira da Silva), factores que beneficiam a transmissão do conhecimento. Ministrou com prudência a preciosa informação em todos os momentos da "aula em andamento".
Dispor de bons professores (Adolfo..... e Manuel Pereira da Silva) é garantir a obtenção de boas notas. Qualquer que seja a disciplina!
Agradecer é o infinito do verbo, em todos os tempos.
Carnide-aula de cunho religioso, na véspera da chegada a Portugal do Papa Francisco. Saudações."

Comitiva da Universidade Sénior (AUTITV no átrio de entrada do Seminário dos Franciscanos (Seminário da Luz), com o Frei Manuel Pereira da Silva, nosso guia durante a visita.

Frontispicio do Seminário da Luz, edificado em 1878



Nem a chuva impediu que os seniores visitassem os luxuriantes jardins do antigo palácio



Pormenores de "criativa arte" favorecem espaços verdes do Seminário



Os seniores seguiram com muita atenção a lição que o Frei Manuel Pereira da Suilva ministrou todo o tempo de duração da admirável aula


Interior da secular Igreja de Nossa Senhora da Luz
(Fotos de: João Godim)



08/05/2017

Nova Agricultura Fascina os Seniores...


No dia 4 de Maio, as Professoras das disciplinas de Egiptologia e de Português, Celina Claro e Maria do Espírito Santo Miranda, respectivamente, organizaram uma visita de estudo a uma empresa de produção hortícola situada em Campelos (Torres Vedras).

O relato desta interessante visita de estudo, bem como as fotos que o ilustram, são do sócio/aluno João Godim:


"A Universidade Sénior de Torres Vedras (AUTITV) tem tido o condão de proporcionar aos alunos o ensejo de conhecerem, in loco, patrimónios indeléveis da história portuguesa como também a tomarem conhecimento de sectores possidentes da economia-social actual. 
Percorrer as pontes passado-presente permite aos seniores recordar o antes como também estarem a par do que existe e se faz agora.
E que tão bem faz aos "velhos", ante a natureza psicossomática da idade madura, ver e saber como se vive e constrói o presente. Um bem rejuvenescedor!

Ontem, pela tarde, cerca de meia centena de seniores (entre os 60 e 90 anos) estiveram na VEGOESTE/VEGIGREEN, empresa de Produção Hortícola, em regime de hidroponia, situada em Campelos (Torres Vedras). Uma aula "cheia de informação" que prendeu a atenção dos seniores. A agricultura de outros tempos (da nossa) juventude parece que foi há séculos.
Uma frase impressa no folheto distribuído é bem elucidativa: "Os mais velhos vêem com olhos do passado; os mais novos acreditam no futuro que semeiam e avançam". 

A VEGOESTE, fundada em 2001, produz, em média, 1.200 toneladas de tomate/ano e de 400 toneladas de courgette/ano. Produções em que a empresa é líder de mercado no que concerne a preço-qualidade. Como observou a professora Maria do Espírito Santo Miranda, promotora da visita, coadjuvada pela professora Celina Claro, a VEGOESTE "não é uma empresa grande; é uma grande empresa". Toda a produção tem venda garantida para uma grande superfície de hipermercados (Continente/SONAE), bem como para o mercado externo (Espanha e França). O volume de facturação/ano ascende a mais de um milhão de euros e tem ao seu serviço cerca de uma vintena de colaboradores, alguns oriundos da Roménia, Ucrânia, Moldava e Tailândia.


Saudações à administração da VEGOESTE/VEGIGREEN, Engª Susana Miranda e Engº Afonso Miranda, pela oportunidade que nos levou a conhecer a excelência da agricultura hidropónica, sob sistema de controlo biológico.

Uma lição de vida. Ver para crer!"

Engª Susana Miranda dá a conhecer como tudo se processa, desde a sementeira, crescimento e apanha


Aqui começa a preparação da agricultura hidropónica. Neste caso, em concreto, do tomare e da courgette

A fase de crescimento dos tomateiros, exigindo um controlo diário devido a eventual presença de agentes estranhos

O tomate já no seu estado pleno de maturidade pronto a ser expedido para o mercado consumidor


Uma visita-aula cheia de curiosidade e muita atenção. Afinal, falava-se de produtos que entram na nossa alimentação

04/05/2017

Rastreio Visual...

Durante a manhã do dia 26 de Abril de 2017, realizou-se na AUTITV mais um rastreio visual, a cargo das ÓTICAS- OCT, uma oportunidade para os alunos desta Universidade Sénior poderem avaliar, com técnicos profissionais, as suas capacidades oftalmológicas.

Os agradecimentos da AUTITV à equipa da OCT.

Jogos Florais de Alcobaça, 2017... "VIDA e MORTE"


A Aluna da AUTITV, Maria Teresa Sarzedas, concorreu aos Jogos Florais de Alcobaça de 2017, na modalidade -Quadras-  organizados pelos "Amigos das Letras", tendo-lhe sido atribuído o prémio de Menção Honrosa", com a seguinte quadra:

Casei contigo e co'a  VIDA
O AMOR nos namorou
E a jura foi tão sentida
Que nem a MORTE a quebrou.

Parabéns Teresa...


I Encotro de Teatro - Pataias

No dia 28 de Abril, realizou-se o I Encontro de Teatro das UTIS do Oeste, que contou com a participação das Universidades de: Nazaré, Peniche, Benedita, Torres Vedras, Caldas da Rainha, Marinha Grande e Pataias.

Neste evento, a Universidade Sénior de Torres Vedras fez-se representar por quatro dos seus alunos do Grupo de Teatro, que interpretaram as seguintes peças narradas pela aluna Cândida Morais:
"Ri-mar na areia" de: Isabel Gonçalves, interpretada pela autora e por Maria Teresa Sarzedas;
"Romeu e Julieta" de: Maria Teresa Sarzedas, interpretada por Raul Ribeiro e Maria João Menezes.

De ambas as peças, um breve apontamento: